terça-feira, 2 de novembro de 2010

19:19

Eu não estava querendo admitir para vocês, mas eu sou super supersticiosa (cacofônica também, desculpe!). E tenho dificuldades em admitir coisas que me fazem parecer de certa forma mais um ser humano esquisito no mundo, mas enfim...

Sou do tipo de pessoa que entra com o pé direito nos lugares. Acho que se o meu crachá da empresa enroscar em alguma coisa na bolsa, meu dia vai ser péssimo. Não corto o cabelo em lua minguante. Não como a última bolacha do pacote para não ficar solteira para sempre. Faço pedidos quando vejo estrelas cadentes, quando acendo um incenso e quando apago as velinhas do bolo de aniversário. Não bebo sem brindar. Sou muito ligada aos meus sonhos e acho que a maioria tem significados obscuros, como sinais do que está por vir na minha vida ou avisos de cuidado. Comprei um baralho de tarô e faço uso dele.

É meio bobo, é verdade! Mas é uma coisa minha e dá certo na maioria das vezes e é a desculpa perfeita que eu uso para quando algo sai errado." É conspiração do universo!" Nem tudo eu levo muito a sério, como por exemplo, não passo embaixo de escadas porque eu não quero que ela caia na minha cabeça, não gosto de quebrar espelhos porque é uma dó que se quebrem e seria uma lástima para a autocrítica da minha imagem. Gosto de gatos pretos. E acho que sexta feiras 13 são dias como qualquer outro.

Porém, ultimamente algo tem me incomodado. Há umas duas semanas mais ou menos um evento estranho ocorre quando eu vou consultar as horas: horas e minutos iguais! Acontece com frequência, 9:09, 13:13, 17:17. Já aconteceu 5 vezes em um dia só. Alguém explica para minha cabeça que isso não quer dizer nada. A paranóia se instalou e fico imaginando motivos bizarros que expliquem esse fenômeno.

A propósito são 19:19!

6 comentários:

  1. Olha, se você olhasse e tivesse sempre o mesmo horário eu diria que seu relógio tá quebrado, mas como não é o caso... oremos! :P

    ResponderExcluir
  2. Bom, a lenda diz que sempre que você olha no relógio e tá uma hora assim, é porque tem alguém pensando no Gug... em você. [O Gugu diz que é nele, mas acho que não é, não.]
    Nesse caso seria uma coisa boa, certo?

    Comigo e com o Carlos acontece muito. Mas MUITO mesmo.
    Acho que é só o hábito de olhar no relógio de hora em hora.



    Espero que seja.

    ResponderExcluir
  3. Hahahaha, ai Joyce, você não está sozinha nesse mundo, viu? Por causa do filme da Emily Rose, não olho mais o relógio de madrugada. Outro dia olhei e era 3:33. Não dormi mais! Imagina só!

    ResponderExcluir
  4. NOSSA, me senti normal agora. Essas coisinhas tão sutis que me deixam louca.

    Heeeey, procure que tem significado esse negócio de horas iguais, são coisas boas quando a gente olha despropositalmente. :D

    beijos

    htpp://umdiaamaisblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Pessoal no twitter diz que isso dá sorte e tem que fazer um desejo =)
    Eu não sou supersticiosa, mas depois que assisti ao filme "Numero 23" fiquei dois dias contando nomes, datas e horas e tudo dava 23. Quase enlouqueci. Depois passou. Acredita?
    Gostei do blog, voltarei mais vezes =) bjs

    ResponderExcluir
  6. Acho que todos nós temos um Monk (aquele detetive do seriado), dentro da gente.
    Uns mais ativos que os outros.

    ResponderExcluir

Você acaba de ganhar um vale-pitaco!